Volume exportado de carne suína in natura aumenta; preço cai

As vendas externas dos produtos suinícolas in natura tiveram aumentaram de junho para julho. No entanto, o preço pago pela tonelada da carne brasileira no mercado internacional recuou.

Conforme dados da Secex compilados pelo Cepea, em julho, foram embarcadas 87,9 mil toneladas de carne suína in natura, aumento de 5,2% frente a junho, mas queda de 5,3% na comparação com julho de 2021.

Já o valor pago pela carne suína nacional no mercado externo teve baixa de 2% frente ao mês anterior, passando de US$ 2.429,42 em junho para US$ 2.380,90 no último mês.

No segundo semestre, prevê a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), a China deve aumentar as importações de carne suína, devido à formação de estoques para eventos festivos naquele país.

Além disso, a abertura de novos mercados, como Canadá e Tailândia, e as reduções tarifárias da Coréia do Sul e do Vietnã, também podem favorecer a carne suína brasileira no cenário internacional.

Do Cepea http://www.cepea.esalq.usp.br

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: