Nome de Tereza Cristina ganha força para ser ministra da Agricultura

tereza cristina 7 11
Presidente da FPA é cotado para comandar a pasta – Câmara dos Deputados/Divulgação

A presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputada Tereza Cristina (DEM/MS), deve fazer parte da equipe de transição de governo. A expectativa é que a nomeação da parlamentar sul-mato-grossense seja publicada na edição desta quinta-feira (8) no Diário Oficial da União. Ainda nesta quarta-feira (7), deputados da bancada ruralista devem indicar formalmente ao presidente eleito Jair Bolsonaro o nome de Tereza Cristina para o cargo de ministra da Agricultura.  

Recentemente, deputados de diferentes partidos que integram a Comissão de Agricultura manifestaram preferência pela indicação da presidente da FPA para o comandar o Ministério da Agricultura. A avaliação é que Tereza Cristina contribuiria para a interlocução do governo Bolsonaro com o agronegócio, um dos setores mais dinâmicos da economia brasileira.

Além da presidente da FPA, que reúne cerca de 200 parlamentares no Congresso Nacional, outros nomes também são especulados para o comando da pasta da Agricultura. Entre eles, o deputado Luís Carlos Heinze, senador eleito pelo PP/RS, a senadora Ana Amélia Lemos (PP/RS), o presidente da União Democrática Ruralista (UDR), Luiz Antônio Nabhan Garcia, e o deputado Jerônimo Goergen (PP/RS).

Bolsonaro tem dito que o nome a ser indicado para o Ministério da Agricultura deverá ter o aval do setor rural.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta