MT: Aprosmat e Instituto Totum criam aplicativo para produtores de sementes

ouvidoria aprosmat 21 2 19

A pedido da Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso (Aprosmat), o Instituto Totum desenvolveu um aplicativo que conecta o produtor rural às empresas que comercializam sementes de soja associadas à entidade. O aplicativo permite ao comprador fazer reclamação, denúncia de sementes de soja piratas ou mesmo avaliar a qualidade do atendimento recebido.

Todas as 25 empresas que participam da Aprosmat aderiram ao app Ouvidoria. Para fazer a reclamação via aplicativo, o comprador precisa apenas adicionar o número da nota fiscal, indicar a empresa e descrever o problema, podendo inclusive enviar imagem ou vídeo, se for o caso. Ao encaminhar a manifestação via aplicativo, o Instituto Totum imediatamente toma conhecimento da ocorrência e passa a fazer o monitoramento do retorno por parte da empresa ou da Aprosmat.

“Essa é uma ferramenta que visa reforçar a credibilidade e confiabilidade do trabalho dos sementeiros. O aplicativo possibilita a interação do comprador com o produtor de modo transparente e descomplicado, reforçando os vínculos entre fornecedores e clientes”, afirma Fernando Giachini Lopes, presidente do Instituto Totum.

Além do aplicativo, que pode ser baixado na Google Play para sistema Android ou para Iphone na AppStore, a plataforma oferece mais dois meios de utilização: pelo telefone via 0800-580-0260 e pelo WhatsApp (011) 970055-9331.

Para divulgar a Ouvidoria, uma etiqueta com os canais de comunicação acompanha a nota fiscal do produto. Após inserida a manifestação do cliente, o produtor rural poderá acompanhar o processo por meio de um login e senha enviados a um e-mail cadastrado tanta na plataforma Web, quanto no próprio celular.

O coordenador do Comitê de Sementes de Soja da Aprosmat, Jeferson Aroni, destaca que denúncias também podem ser feitas à Ouvidoria, principalmente relacionadas a sementes piratas. “É um canal que ele pode denunciar essa prática de forma sigilosa e a Aprosmat irá encaminhar para os meios competentes, como Indea MT e Ministério da Agricultura para dar andamento os trâmites legais”, disse.

 

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: