Brasil já pode exportar bovinos vivos para o Equador

 

bovinos 29 3 19 josimar do nascimento embrapa
Foto: Josimar Nascimento/Embrapa

O Brasil já pode vender bovinos vivos para o Equador. Nesta quarta-feira (11), as autoridades equatorianas enviaram comunicado ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) informando sobre a aceitação do certificado zoosanitário internacional proposto pelo Brasil para a exportação de gado vivo, concluindo, assim, as negociações para a abertura daquele mercado, iniciadas em 2014.

O Brasil exportou, em 2018, US$ 535 milhões em bovinos vivos para todos os continentes, além de US$ 6,5 bilhões em carne bovina. A exportação de animais vivos diversifica a pauta exportadora brasileira e oferece uma alternativa para os produtores rurais do país.

O avanço do Brasil no mercado de bovinos vivos mostra o reconhecimento do alto padrão genético e da qualidade dos animais brasileiros, além da confiança internacional na defesa agropecuária brasileira.

Da redação, com Mapa

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: