Mapa prometer liberar novo cadastro vitícola para o RS até a próxima semana

Deputado Heitor Schuch – Foto: Divulgação

O novo cadastro vitícola será liberado para o Rio Grande do Sul até o final da próxima. A informação é do deputado Heitor Schuch (PSB/RS), que participou de reunião virtual, nesta quarta-feira 21, com o diretor do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Vegetal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Glauco Bertoldo.

Segundo o parlamentar, o representante do Mapa não só garantiu que o cadastro será liberado para o estado até o fim da próxima semana, mas marcou o primeiro treinamento de capacitação para o dia 28 de outubro. Chamado de Sistema de Informações da Área de Vinhos e Bebidas (Sivibe), o modelo é aguardado pelo setor desde o ano passado.

Ainda conforme Schuch, a preocupação é com os prazos, já que alguns municípios começam a colher a safra da uva no final deste mês e, sem o cadastramento, os agricultores não podem entregar a produção às indústrias. “Além da garantia de operacionalização do novo sistema, é necessário tempo hábil para que os sindicatos dos trabalhadores rurais e demais entidades que vão ajudar os produtores estejam aptos a realizar os procedimentos antes do início da safra”, enfatizou.

Representantes da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag/RS), da Comissão Interestadual da Uva, Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e de sindicatos de oito municípios produtores da Serra também participaram da reunião.

Reivindicação

O Cadastro Vitícola do Rio Grande do Sul começou em 1995, sob a coordenação da Embrapa Uva e Vinho, com a finalidade de agrupar em um único documento informações importantes relativas ao mapeamento da vitivinicultura no estado.

Com o passar dos anos, o cadastro se tornou fundamental para compreender a evolução do cultivo das videiras, bem como servir de base para pesquisas, controles de produção, comercialização e elaboração de políticas públicas de desenvolvimento do setor, além de subsidiar estudos para futuras indicações geográficas.

A ampliação para um formato nacional sempre foi uma reivindicação. O Sivibe veio para atender o pleito do setor. Porém, a demora na implementação do novo modelo preocupa os produtores, que começam a colher a próxima safra no final de outubro e dependem do cadastramento para comercializar a produção com as indústrias.

 

 

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta