Mapa apreende mais de 53 mil litros de defensivos irregulares no Pará

Auditores fiscais federais agropecuários (AFFAS) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) apreenderam mais de 32 defensivos agrícolas irregulares em uma operação que terminou na última sexta-feira (16), no estado do Pará. A operação teve como alvo agrotóxicos importados ilegalmente e produzidos sem registro.

Treze empresas foram investigadas durante a operação, que encontrou e apreendeu um total de 9.354 quilos e 53.756 litros de agrotóxicos ilegais.

Durante a operação, foram analisados documentos de origem, rótulos, bulas, embalagens, bem como QRcodes de segurança que algumas empresas estão utilizando para identificar a autenticidade dos agrotóxicos originais por elas produzidos.

Duas das empresas em que foram encontrados agrotóxicos ilegais já estavam com suas atividades embargadas, e os produtos estavam sendo fabricados sem registro no Mapa. Em uma delas, foi descoberta produção de agrotóxicos com matéria-prima contrabandeada. Os produtos falsificados e ilegais estavam sendo distribuídos para os estados de Mato Grosso, Goiás, Bahia, Pernambuco, Tocantins e Pará.

Em outra empresa foram encontrados vestígios de embalagens falsas queimadas. Os fiscais chegaram a tempo de apagar o fogo e realizar a apreensão de 184 embalagens vazias que seriam incineradas.

Incinerar embalagens de agrotóxicos é uma infração. O setor de agrotóxicos brasileiro é único no mundo que possui sistema de logística reversa capaz de reciclar mais de 98% das embalagens utilizadas.

Segundo o Mapa, no total da operação em que participaram AFFAs de MT, AL e do TO, foram emitidos nove autos de infração e cinco notificações para as empresas fiscalizadas.

Do Mapa

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: