Parceria acelera desenvolvimento de tecnologia de manejo de pragas no Matobipa

Aplicativo Vision Farm vai auxiliar produtores no manejo integrado de pragas no Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia – Imagem: Divulgação

A Cyklo Agritech, primeira aceleradora de projetos e startups a se instalar no município de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia, acaba de promover uma parceria voltada ao aprimoramento do manejo integrado de pragas, a fim de possibilitar um melhor controle de plantas daninhas e insetos na Região do Matopiba (MA, TO, PI e BA) e posteriormente em todo o Brasil.

Com a participação da Cyklo, a startup VisionFarm e o Centro Universitário Arnaldo Horácio Ferreira (Unifaahf), de Luís Eduardo Magalhães, firmaram acordo de cooperação técnica para acelerar o desenvolvimento do aplicativo VisionFarm, que permitirá aos produtores rurais, agrônomos, gestores de fazendas e técnicos agrícolas potencializem o Manejo Integrado de Pragas (MIP).

Segundo Pompeo Scola, CEO da Cyklo, o aplicativo VisionFarm vai oferecer ao usuário uma ferramenta de inteligência artificial que reconhece, por meio de registro fotográfico realizado em campo, as plantas daninhas e insetos, visando ajudar o produtor a identificar e saber quais princípios ativos usar no controle químico, sem incorrer no risco de resistência aos defensivos agrícolas.

De acordo com Scola, o aplicativo informará o período de carência de cada princípio ativo, possibilitando uma produção mais criteriosa no manejo pragas e doenças. “A ferramenta também fará indicações de plano de ação de controle, fornecerá imagens de satélite por meio de NDVI – índice que mostra o desempenho fotossintético das plantas para melhor monitoramento das áreas – e realizará a geolocalização dos dados, tratando individualmente a cada talhão.”

Troca de tecnologias

O acordo prevê a troca de tecnologias e informações para construção de um robusto banco de dados sobre plantas daninhas e insetos. Para tanto, a Centro Universitário Arnaldo Horácio Ferreira cedeu seu laboratório de entomologia agrícola para auxiliar a startup na criação do dataset, que já está em desenvolvimento e norteará a inteligência artificial do VisionFarmapp.

“O centro de pesquisas da Unifaahf vai trabalhar para aumentar a base de dados de ervas daninhas e de pragas justamente para que o software expanda a sua inteligência, o que o tornará mais eficiente nas diversas lavouras do Matopiba”, informa Scola.

Em contrapartida, a startup oferecerá subsídios para pesquisas científicas e produção acadêmica na instituição, além de ofertar vagas de estágios aos alunos do curso de agronomia da Unifaahf.

“Esse acordo é um importante passo para a atividade agrícola do Matopiba. A agricultura digital é uma realidade cada dia mais consolidada e ter a Unifaahf como parceira agregará um imenso valor ao nosso projeto”, ressalta Ulysses Remy, coordenador-ggeral do Projeto VisionFarmapp.

Algumas empresas multinacionais que atuam no Matopiba, acrescenta Scola, já se mostraram interessadas em fazer parceria com a VisionFarmapp para oferecer o aplicativo como forma de fidelização para os produtores rurais que são seus clientes.

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: