Mesmo com liquidez baixa, preço do algodão segue firme

Foto: Fabiano Perina/Embrapa

A liquidez está enfraquecida no mercado doméstico de algodão em pluma. Agentes estão focados nos carregamentos dos contratos firmados anteriormente, diminuindo o interesse por novas negociações no spot – ressalta-se, inclusive, que até mesmo estes embarques já estão em menor ritmo.

Segundo colaboradores do Cepea, a lentidão foi acentuada pelo recesso de fim de ano adotado por boa parte das empresas, assim como pela restrição logística para determinadas regiões. Produtores, por sua vez, estão retraídos e/ou firmes nos preços pedidos, visto que já venderam boa parte da safra 2020/21 e estão capitalizados – esses vendedores têm como suporte os elevados preços internacionais, a paridade de exportação e o dólar.

Entre 14 e 21 de dezembro, o Indicador CEPEA/ESALQ do algodão em pluma avançou 0,54%, e na parcial do mês, 2,3%, fechando a R$ 6,4047/lp nessa terça-feira, 21.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: