TCU: Militares usam verba do combate à pandemia para comprar filé e picanha

Fotomontagem AGROemDIA, com foto de Pedro Ramos/Ministério da Cidadania/Agência Brasil

Auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) constatou que o Ministério da Defesa gastou recursos destinados ao enfrentamento da pandemia da covid-19 para a compra de filé mignon e picanha, informa a edição desta segunda-feira (27) da Folha de S.Paulo.

Assinada pela jornalista Constança Rezende, a reportagem relata que as informações constam de levantamento sigiloso feito pelo Selog (Secretaria de Controle Externo de Aquisições Logísticas), do TCU. “Foram usados R$ 535 mil em itens considerados de luxo.”

De acordo com a Folha de S.Paulo, a auditoria foi aberta para investigar supostas irregularidades na compra de gêneros alimentícios desde 2017. O ministro do TCU Walton Alencar Rodrigues, relator do caso, foi quem autorizou a análise dos gastos.

A reportagem assinala que os técnicos do TCU esperavam que, com o regime telepresencial de trabalho na pandemia, houvesse redução dos gastos com alimentação. “Não foi o que ocorreu no Ministério da Defesa”, escreve Constança Rezende.

Segundo a Folha de S.Paulo, a assessoria de imprensa da Defesa afirmou, em nota, que as atividades do Exército, da Marinha e da Aeronáutica foram mantidas na pandemia. “Isso inclui, disse o órgão, a alimentação fornecida às tropas.”

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: