Estiagem afeta rios que irrigam lavouras de arroz no Rio Grande do Sul

Foto: Divulgação/Federarroz

A estiagem está afetando a irrigação de arrozais no Rio Grande do Sul. Na região Central, rios que abastecem as lavouras estão com baixo nível ou até secaram. A situação é parecida na Fronteira Oeste e na Campanha, segundo nota divulgada nesta quinta-feira (6) pela Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz).

Conforme o presidente da entidade, Alexandre Velho, em diversas propriedades os produtores estão tendo que optar quais parcelas de lavoura devem irrigar em detrimento de outras.

“Nessas regiões, partes das áreas estão sendo abandonadas para dar preferência de irrigação em outras áreas. Os produtores estão tendo que optar por atender uma parte da lavoura. Isso sinaliza que possivelmente não teremos uma produtividade muito grande, o que deve influenciar na produção total gaúcha”, diz Velho.

A Federarroz, informa Velho, está recomendando aos produtores rurais atingidos pela seca que façam um alerta as suas prefeituras, comunicando as dificuldades para que encaminhem decretos de emergência, para que possam acionar, se necessário, pedidos de seguros e financiamentos.

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: