Estimativa de redução de estoque do trigo eleva preço externo

Foto: Embrapa/Divulgação

As cotações externas do trigo voltaram a subir, impulsionadas por estimativas de maior consumo e menor estoque mundiais na safra 2021/22. Em relatório divulgado neste mês, o USDA estimou o consumo global de trigo em 791,08 milhões de toneladas, alta de 0,5% sobre o relatório de março e 1,1% maior que o da temporada passada. Já para os estoques mundiais, as estimativas foram revisadas para baixo, em 1,1% frente ao relatório de março e em 4,2% frente aos da safra 202/21, para 278,42 milhões de toneladas, principalmente com redução na Índia.

No Brasil, as cotações apresentam movimentos opostos: enquanto no mercado de balcão os valores caem, pressionados por expectativas de maior área semeada, no mercado de lotes os preços avançam, acompanhando as valorizações externa e do dólar. No campo, a semeadura da nova safra foi iniciada no Paraná, de acordo com o Deral, mas ainda soma menos de 0,1% da área esperada.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: