Pecuária: Preço do bezerro recua 6,3% na parcial de abril

Foto: Keke Barcellos/Embrapa/Divulgação

As cotações do bezerro estão em movimento de queda desde o início de 2022. Na parcial deste mês (de 31 de março a 19 de abril), o Indicador do bezerro ESALQ/BM&FBovespa – Mato Grosso do Sul recuou 6,31%.

De acordo com pesquisadores do Cepea, a pressão sobre os valores da reposição vem da recomposição cada vez maior da oferta de animais jovens, dos elevados custos aos pecuaristas criadores e da chegada da entressafra, quando as condições dos pastos pioram para a recria. Esse fator, inclusive, pode motivar pecuaristas a mandarem mais animais aos confinamentos ao longo deste ano. Vale lembrar que o animal de reposição é o item de maior custo dentro do confinamento, seguido pela alimentação.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: