Plano Safra: Em 10 meses, contratações de crédito rural somam R$ 230 bilhões

Foto: Jaelson Lucas/ AEN/Gov. PR/Divulgação

Em 10 meses do Plano Safra 2021/2022, foram financiados R$ 230,2 bilhões, correspondendo a 1,5 milhão de contratos de crédito rural. O valor representa alta de 22% em relação às contratações realizadas no mesmo período da temporada agrícola passada. Os números constam do Balanço de Desempenho do Crédito Rural, divulgado pela Secretaria de Política Agrícola (SPA) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Do total desembolsado no crédito rural no período de julho/2021 a abril/2022, foram destinados R$ 122,3 bilhões para custeio (19%) e R$ 65,3 bilhões para os investimentos (13%). A comercialização teve alta de 51%, correspondendo a R$ 28 bilhões. Já a industrialização teve acréscimo de 42%, com desembolso de R$ 14,4 bilhões.

Os agricultores familiares, beneficiários do Pronaf, tomaram de empréstimo R$ 34,8 bilhões (24%). Os médios produtores rurais, atendidos pelo Pronamp, contrataram R$ 25,7 bilhões (10%) e os demais produtores, R$ 169,6 bilhões, incremento de 23% nos financiamentos.

No que se refere aos desembolsos por região, o Norte tem se destacado, com incremento de 35% no valor das contratações, correspondendo a R$ 17,6 bilhões. As operações realizadas no Sul representaram R$ 75,9 bilhões (21%) e as do Centro Oeste, R$ 60,7 bilhões, aumento de 16%. Os produtores do Sudeste corresponderam a R$ 55,9 bilhões (25%), e o Nordeste, a R$ 20 bilhões (23%).

Quanto aos programas de investimento, o Proirriga continua tendo forte demanda na contratação de recursos para financiar a irrigação e os cultivos protegidos, com aumento de 44%, somando R$ 1 bilhão. As operações do Programa ABC totalizaram R$ 2,9 bilhões, incremento de R$ 39%.

As fontes de recursos mais representativas foram os Recursos Obrigatórios (R$ 48,4 bilhões e 27%), a Poupança Rural Controlada (R$ 47,6 bilhões e 17%) e a LCA (R$ 40,9 bilhões e 34%).

PLN 01/2022

Aguarda sanção presidencial o PLN 01/2022, que destina R$ 868,49 milhões para o Plano Safra, aprovada pelo Congresso Nacional no último dia 28. Os recursos vão atender financiamentos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), e operações de custeio, de comercialização, e de investimento voltadas ao atendimento do Plano Safra 2021/2022.

Os recursos para o pagamento das equalizações aos agentes financeiros apresentam perspectivas favoráveis para que as operações de crédito rural voltem à normalidade.

Do Mapa

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: