Demanda da China deve manter exportação de carne bovina aquecida no 2º semestre

Foto: Keke Barcelos/Embrapa

Da redação AGROemDIA, com Cepea

As vendas externas de carne bovina somaram volume recorde no primeiro semestre. O resultado foi ancorado pelos envios da proteína à China e aos Estados Unidos. Segundo o Cepea, considerando-se o comportamento das exportações verificado nos últimos anos – em que os envios da proteína brasileira tanto ao país asiático quanto ao norte-americano se intensificam no segundo semestre –, os embarques nacionais podem se manter aquecidos nos próximos meses e renovar o recorde anual.

E, para reforçar os envios externos, o dólar está operando em elevado patamar, ao passo que as vendas no mercado doméstico seguem enfraquecidas, em consequência da inflação e da perda de poder de compra da população. Esse contexto que deve manter frigoríficos exportadores focados nesse canal de escoamento.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: