Monitoramento da safra: Lavouras apresentam bom desenvolvimento, diz Conab

Foto: Neide Furukawa e Andre Minitti/Embrapa

Apesar das restrições hídricas em diversas localidades, as lavouras brasileiras se desenvolveram, neste ano, de forma semelhante ou melhor que as últimas safras, na maioria das regiões acompanhadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), de acordo com o mais recente Boletim de Monitoramento Agrícola (BMA).

Segundo a publicação, divulgada nessa quinta-feira (21), nas primeiras semanas de julho, as chuvas foram mais volumosas nas regiões Norte e Sul, além da faixa leste do Nordeste.

Nas demais áreas do país, predominou o tempo seco, favorecendo a maturação e as operações de colheita dos cultivos de segunda safra.

Na Região Sul, apesar da ocorrência de geadas de intensidade fraca a moderada, não foram observados danos significativos para os cultivos de segunda safra e safra de inverno.

Final de ciclo

Em razão da predominância de cultivos em final de ciclo, em geral, não foi observada restrição hídrica em função da baixa umidade do solo, principalmente nas regiões Centro-Oeste, Sudeste e Matopiba, com exceção de lavouras em estágios reprodutivos em São Paulo e Paraná.

Paralelamente, foi observada boa disponibilidade hídrica em parte da região Sul e Sealba (Sergipe, Alagoas e Bahia), favorecendo o desenvolvimento dos cultivos de segunda e terceira safras e de inverno.

Já a semeadura dos cultivos de inverno foi favorecida pela redução das chuvas. Nas principais regiões produtoras de cultivos de inverno, a ascensão do índice de vegetação demonstra o avanço da semeadura. De forma geral, persiste uma expectativa de boa produtividade.

BMA

O Boletim de Monitoramento Agrícola é resultado da colaboração entre a Conab, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e o Grupo de Monitoramento Global da Agricultura (Glam), além de agentes colaboradores que contribuem com dados pesquisados em campo.

Confira aqui a mais recente edição do boletim

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: