Expointer: Observatório da Carne vai modernizar pecuária de corte gaúcha

agencia carne 2
Sartori destaca esforço para fortalecer pecuária de corte – Luiz Chaves/Palácio Piratini

O governo do Rio Grande do Sul anunciou neste domingo (27), na Expointer, em Esteio (RS), o primeiro projeto para dar início à estruturação da Agência Gaúcha Carne. É o site do Observatório da Carne Gaúcha, apresentado ao governador José Ivo Sartori e ao ministro da Agricultura, Blairo Maggi.

O projeto é da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação (Seapi), entidades do setor, federações, empresários e produtores da cadeia. A previsão é que ele seja lançado em seis meses. O melhor modelo para a agência será desenvolvido em conjunto por todos os representantes do setor, criando um espaço de elaboração de estratégias de crescimento na área.

O Observatório é resultado de um grande estudo de inteligência da pecuária gaúcha, que já traz dados disponibilizados pela Defesa Agropecuária, vinculada à Seapi, e que vai agrupar informações sobre exportação, circulação de animais, entre outros.

“Este é o primeiro passo para alcançarmos o que desejamos. Só vamos proteger o setor quando ele estiver unido. Nosso papel, como poder público, é modernizar o Estado”, afirmou Sartori. Ele acrescentou que muitas mudanças já foram feitas no setor, em parceria com as entidades.

Construção coletiva

O secretário da Seapi, Ernani Polo, destacou que essa é uma construção coletiva que está apenas começando. “Vamos iniciar a estruturação desse processo, que começará pelo Observatório. Com base nos dados, o setor poderá agir com medidas de longo, médio e curto prazo para que todos sejam beneficiados.”

Para Blairo Maggi, o projeto vai trazer garantia para os consumidores em termos de qualidade e procedência da carne. “O Brasil é um grande produtor, mas somos um exportador invisível. Se quisermos participar desse mercado temos que nos modernizar. O que vocês estão propondo é total transparência visando a qualidade da carne gaúcha.”

Segundo a coordenadora do projeto, Andréa Veríssimo, da empresa Avelã Public Affaris, contratada para conduzir o estudo e estruturar a agência, o projeto tem três etapas. “Num primeiro momento é reunir dados de inteligência. Depois, elaborar diretrizes de normatização. E por fim, gerar a promoção da carne gaúcha”, detalhou.

O vice-governador José Paulo Cairoli falou sobre a importância de envolver todos os setores na construção do Estado para que o Rio Grande do Sul seja mais valorizado e tenha carne de qualidade.

*Da redação, com informações da Secom/RS

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: