Brasileiros consumiram 21,5 milhões de sacas de café em 2017

cafe-pixabay
Foto: Pixabay/CC0 Creative Commons

O mercado brasileiro consumiu 21,5 milhões de sacas de café no ano passado, correspondendo a cerca de 1,07 milhão de toneladas. A estimativa consta do relatório da pesquisa Tendências do Mercado de Cafés em 2017, encomendada pela Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC).

O país é o segundo maior consumidor mundial do produto, ficando atrás apenas dos Estados Unidos, que consomem em torno de 25,8 milhões de sacas de café por ano. A projeção é que até 2021 o consumo no Brasil, que cresce a uma taxa anual superior a 3%, chegue a 25 mi de sacas.

Um dos objetivos da pesquisa é identificar oportunidades e tendências do mercado de café no país, especialmente em relação ao consumo. O resultado do trabalho está disponível no Observatório do Café do Consórcio Pesquisa Café, coordenado pela Embrapa Café.

Em 2017, o consumo de café no Brasil cresceu 3,3% na comparação com 2016.  Os apreciadores, destaca a pesquisa, cada vez mais consumem o produto sob diferentes formas, em consequência da melhoria da qualidade dos Cafés do Brasil nas últimas duas décadas.

Cápsulas em alta

O consumo de café em cápsulas seguirá em alta, impulsionado pelo aumento da demanda por café premium (categoria superior grãos selecionados e blends diferentes). Hoje, o país consome cerca de 1,5 mi de sacas/ano de premium, em torno 7% do que é vendido.

Segundo o relatório, entre 2017 a 2021, as taxas de crescimento do consumo no Brasil serão de 3,3% de café em pó, 4,3% de café torrado e 9% de café em cápsulas. A tendência é de crescimento de dois dígitos dos cafés premium, que têm despertado interesse entre os jovens.

O Brasil é o maior produtor mundial de café em grãos. Em 2017, a safra foi de 44,9 milhões de sacas, conforme a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

O prognóstico para 2018 – ano de bienalidade positiva (volume maior) – é de uma produção entre 54,4 e 58,5 milhões de sacas, entre as espécies arábica e conilon.

A safra 2018 de café arábica é calculada pela Conab entre 41,74 e 44,55 milhões de sacas. Já a do conilon é estimada entre 12,7 e 13,96 milhões de sacas.

Da redação, com informações da Embrapa e da Conab

 

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: