Preços internacionais do café caem na semana, segundo CNC

32240120m
Foto: Daniel Medeiros/Embrapa

Os preços internacionais do café registraram perdas ao longo da semana, pressionados pela especulação sobre o tamanho da produção brasileira deste ano, informa o Conselho Nacional do Café (CNC). A entidade enfatiza, entretanto, que a safra está na fase de enchimento dos grãos e não possível garantir, neste momento, uma colheita substancia, devido à possibilidade de adversidades climáticas se refletirem no desenvolvimento do fruto.

De acordo com o CNC, na ICE Futures US, o contrato “C”, com vencimento em março/2018, acumulou declínio semanal de 375 pontos, encerrando pregão de quinta-feira (1º), a US$ 1,2140 por libra-peso. Na ICE Futures Europe, o vencimento março do café robusta foi cotado a US$ 1.769 por tonelada, com perdas de US$ 11 em relação ao desempenho da sexta-feira passada.

O dólar comercial registrou alta de 0,9% no acumulado da semana, ao fechar a quinta-feira valendo R$ 3,169. Corretores analisam que houve um repique de alta frente ao real em função dos sinais de fortalecimento da economia dos Estados Unidos embasados em indicadores do setor industrial e do mercado de trabalho norte-americanos, destaca o relatório semanal da CNC.

No mercado físico, conforme a entidade, os indicadores do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) para os cafés arábica e robusta foram apontados em R$ 439,89/saca e a R$ 319,08/saca, respectivamente, com variações de -1,1% e 0,2% no comparativo semanal. Agentes consultados informaram que as oscilações refletiram o desempenho das cotações internacionais na quarta e na quinta-feira, quando NY recuou e a ICE Europe subiu. No entanto, vendedores e compradores registram poucas atividades e o mercado permanece calmo.

Da redação

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: