Justiça baiana assegura aos técnicos agrícolas pleno direito ao exercício profissional

Emater reúne produtores e técnicos e mostra aplicação de boas práticas agrícolas
Foto: AEN/PR/GOV/BR

A Justiça garantiu aos técnicos agrícolas baianos o direito ao pleno exercício de suas atribuições profissionais, previstas em lei, e determinou à Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB) que não mais imponha restrições ao trabalho da categoria. A decisão é resultado de ação ajuizada pela Federação Nacional dos Técnicos Agrícolas (Fenata) e pela Associação dos Técnicos Agrícolas do Estado da Bahia (ASTA/BA).

Em seu site, a Fenata informa que a ADAB vinha criando obstáculos para o cumprimento de decisão judicial de 2015, decorrente de ação apresentada pela entidade contra o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (CREA/BA), visando assegurar o pleno direito ao exercício profissional dos técnicos agrícolas. Por isso, a Fenata e a ASTA ajuizaram nova ação, desta vez contra a ADAB.

Em decisão divulgada nesta semana, a 7ª Vara da Fazenda Pública da Bahia determina que a ADAB não crie dificuldades ao direito dos técnicos agrícolas de prescreverem receituários agronômicos e de serem responsáveis técnicos pelas empresas que atuem no comércio de agrotóxicos, com a garantia de reconhecimento da validade das ARTs (Anotações de Responsabilidade Técnica) por eles emitidas.

Além disso, a Justiça baiana fixou multa diária de R$ 1 mil até o montante de R$ 50 mil, em caso de descumprimento da decisão.

A decisão vale para todos os técnicos agrícolas do estado filiados à Fenata. Segundo a federação e a ASTRA, a ADAB vinha agindo de forma “corporativa e protelatória” para restringir o direito dos técnicos agrícolas de exercerem plenamente suas atribuições profissionais.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

2 comentários em “Justiça baiana assegura aos técnicos agrícolas pleno direito ao exercício profissional

  • 18 de março de 2018 em 13:21
    Permalink

    Técnico é uma profissão de fé, e assinar receituario está dentro da lei.

    Resposta
    • 21 de março de 2018 em 08:01
      Permalink

      bom dia, alguém tem a resolução da lei

      Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: