Ibraoliva pede apoio do Mapa para setor não ser prejudicado por europeus

Helena Tallmann/Epamig/Arquivo

Em reunião com o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, nesta terça-feira (19), em Brasília, o diretor técnico do Instituto Brasileiro de Olivicultura (Ibraoliva), Fernando Schwanke, pediu que a pasta interceda na negociação entre União Europeia (UE) e Mercosul sobre zerar a tarifa de importação do azeite de oliva. A medida, avalia a entidade, pode prejudicar o desenvolvimento da olivicultura nacional.

Durante o encontro, intermediado pelo deputado federal Alceu Moreira (RS), Schwanke explicou que o Brasil já conta com 6,5 mil hectares plantados e 80 agroindústrias em funcionamento para beneficiar o azeite brasileiro.

“Zerar a tarifa seria concorrência desleal e inviabilizaria o setor”, completou o presidente da Ibraoliva.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: