Alguns líderes europeus estão desrespeitando o Brasil, diz presidente da Aprosoja/MT

antonio-galvan-aprosoja-bb-credito-burocracia
Antonio Galvan, presidente da Aprosoja/MT – Foto: Aprosoja/Divulgação

Alguns líderes europeus estão faltando com o respeito ao Brasil, numa atitude ameaçadora, colonialista e sem qualquer ética. Assim o presidente da Aprosoja/MT e vice-presidente da Aprosoja Brasil, Antonio Galvan, avalia a declaração do ministro das Finanças da Finlândia, Mika Lintila, de que a Europa deveria parar de comprar carne do Brasil e considerar uma suspensão das importações de soja, mirando no combate às queimadas da Amazônia.

“Isso soa como ameaça, mas soberania não se vende, independentemente de qualquer possibilidade de retaliação”, disse Galvan ao AGROemDIA. “Está na hora deles [europeus] aprenderem a respeitar o Brasil.” Tais atitudes, lembrou, começaram com o presidente da França, Emmanuel Macron, que usou as queimadas na Amazônia, de forma “irresponsável e demagógica”, para tentar recuperar prestígio com o eleitorado de seu país.

Nessa sexta-feira 13, Lintila informou que a Finlândia, que ocupa a presidência temporária da União Europeia, solicitou às autoridades europeias que “descontinuem a importação de carne bovina do Brasil” e considera fazer o mesmo com a soja, visando “aumentar a pressão para que o governo brasileiro faça alguma coisa quanto às queimadas”.

“Atravessadores”

O presidente da Aprosoja/MT considera difícil a UE aceitar o pedido da Finlândia. “Não sei se os europeus têm tanta autonomia para dizer que não vão comprar do Brasil. Onde eles iriam buscar esses produtos, que estão em falta no mundo com a quebra da safra na Índia e nos Estados Unidos por problemas climáticos?”

Além da necessidade de garantir segurança alimentar a sua população, enfatizou Galvan, a UE precisa de carne e soja, além do milho, para processar alimentos para negociar com outros mercados. “Eles não consomem tudo o que compram. São atravessadores que ganham dinheiro em cima da nossa mercadoria.”

Ao destacar que países europeus responsáveis e éticos não estão desrespeitando o Brasil, Galvan indagou: “Quem é a Finlândia na ordem do dia?” Um deputado federal ligado ao setor rural, que preferiu não se identificar, acrescentou: “O ministro finlandês é desinformado, imbecil ou comerciante?”

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: