Desenvolvimento agropecuário: Programa investirá R$ 20 mi no oeste baiano

prodeagro reuniao aiba abapa aiba divulgacao
Foto: Aiba/Divulgação

O Programa para o Desenvolvimento da Agropecuária (Prodeagro) investirá R$ 20 milhões, em 2020, no oeste baiano. É o maior valor já destinado à execução de projetos e pesquisas desde a criação do fundo, cujo objetivo é viabilizar a atividade agrícola no estado. As cifras representam um incremento de cerca de 35% em relação ao ano de 2019, quando foram investidos R$ 15 mi.

O anúncio do montante para 2020 foi feito durante a assembleia ordinária do Prodeagro, na Fenagro, em Salvador, na semana passada. Entre as áreas contempladas com a verba estão a ambiental, fitossanitária, de infraestrutura e logística, além de programas de sustentabilidade e pesquisas.

A maior fatia do edital 2019/2020 vai para recuperação e pavimentação de estradas, com previsão de gastos de aproximadamente R$ 16 milhões. Outra parte do orçamento, R$ 2 milhões, será destinada a programas de adequação socioambiental, a exemplo do Soja Plus, e fitossanitário. Os R$ 2 milhões restantes serão investidos em pesquisas de novas cultivares.

As ações serão conduzidas pela Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba) e pela Fundação Bahia, que administrarão 90% e 10% dos recursos, respectivamente. Os valores serão aplicados em ações que visam o desenvolvimento social, ambiental e econômico da região, através do fortalecimento da agricultura.

O presidente da Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), que também preside o Prodeagro, Celestino Zanella, destacou os avanços conquistados pelo programa. “Boa parte dos problemas com estradas vicinais foi resolvida com ações do Prodeagro, somadas às contribuições voluntárias dos produtores rurais e à atuação da patrulha mecanizada da Abapa.”

Soma de esforços

Segundo Zanella, ainda há muito o que ser feito, “mas graças a isso temos conseguido, de maneira contínua e sistemática, recuperar e asfaltar estradas, construir pontes e cortar serras. É uma soma de esforços e valores que envolve o programa, agricultores e prefeituras, com multiplicação de recursos”.

Representante da Secretaria Estadual de Infraestrutura (Seinfra) e também membro do conselho gestor do Prodeagro, Valter Tavares, elogiou a atuação dos produtores rurais, que, em sua opinião, desonera um pouco a realização de serviços pela pasta, já tão demanda devido à extensa malha viária da Bahia.

“Sem falar que ações como estas proporcionam a melhoria da logística para o escoamento da produção agrícola, resultando em desenvolvimento social e econômico para a região”, assinalou Tavares.

Para o presidente da Abapa, Júlio Busato, o Prodeagro revela-se cada vez mais um importante programa de política agrícola do estado da Bahia, e a Fenagro, o espaço estratégico para a realização de reuniões do setor e formação de novas parcerias.

Fazem parte do conselho gestor do programa a Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), Associação Baiana de Produtores de Algodão (Abapa), Fundação Bahia e as secretarias estaduais de Agricultura (Seagri) e Infraestrutura (Seinfra).

Da Aiba

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: