Agrocenário 2020: Desafio é ampliar apoio ao pequeno produtor, diz ministra

tereza cristina agrocenario 2020
Ministra Tereza Cristina: Agricultor familiar precisa ter mais acesso à tecnologia e à assistência técnica – Foto: Noaldo Santos/Mapa

Um dos maiores desafios do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para o próximo ano é melhorar o acesso à tecnologia e assistência técnica para os pequenos agricultores, disse a ministra Tereza Cristina, nesta quarta-feira 4, na abertura do Agrocenário 2020, evento promovido pela Associação Brasileira dos Produtores de Soja (Aprosoja Brasil) e Corveta Agriscience, em Brasília.

“Temos que tirar o pequeno agricultor do patamar de baixa tecnologia, de baixa renda. Os pequenos agricultores precisam entrar no sistema produtivo como a grande agricultura comercial. Vamos fazer isso através da ciência, da tecnologia, da pesquisa da nossa Embrapa, levando a eles tudo o que o produtor empresarial foi buscar nessa tecnologia”, afirmou a ministra.

Tereza Cristina enfatizou ainda que o Mapa tem simplificado e desburocratizado normas e processos para criar um melhor ambiente de negócios, a fim de que os produtores rurais, cooperativas e a agroindústria possam ser mais ousados em seu relacionamento com os mercados interno e externo.

A ministra também destacou que o Brasil é uma grande potência agrícola mundial, garantindo a segurança alimentar de mais de 160 países. Segundo ela, “o agronegócio brasileiro alimenta 1 bilhão de pessoas por dia” mundo afora. Pelo menos um alimento produzido no Brasil, pontuou, está presenta diariamente no prato de comido de cada uma dessas pessoas.

“Temos uma agricultura que, além de puxar o PIB [Produto Interno Bruto] do Brasil, é sustentável e gera emprego de qualidade nos mais remotos rincões deste país. Temos oportunidades a oferecer para o povo, além da segurança alimentar, e ainda podemos exportar alimentos de qualidade para mais de 160 países”, sublinhou.

Conforme dados divulgados nessa terça-feira 3 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os resultados das Contas Nacionais Trimestrais referentes ao 3º trimestre deste ano apresentaram crescimento de 0,6% no Produto Interno Bruto (PIB), em relação aos três meses anteriores. A agropecuária foi o setor que registrou a maior alta, de 1,3%.

Safra de grãos

Em entrevista após o evento, a ministra ressaltou que a expectativa para 2020 é que a safra de grãos supere os resultados dos anos anteriores e o Brasil continue na liderança da produção agrícola mundial.

“Temos uma previsão de uma grande safra para o ano que vem. Agora as chuvas se regularizaram, e a gente espera que continue bem e que vamos bater outro recorde. O Brasil vai continuar sendo celeiro de grãos e de proteínas do mundo.”

Entre as ações do Mapa que podem contribuir para o fortalecimento da agropecuária, Tereza Cristina citou o programa AgroNordeste, a abertura de novos mercados e a capacitação técnica de pequenos agricultores. “Estamos trabalhando com todos os setores para que a agricultura continue a aquecer [a economia] e a desempenhar o papel fundamental que ela tem no abastecimento da mesa dos brasileiros e de muitos países parceiros.”

tereza cristina agrocenario 2x noaldo santos 2020
Brasil é potência agrícola, reforça ministra Tereza Cristina, ao lado de Roberto Hun, presidente da Corteva – Foto: Noaldo Santos/Mapa

Proteína animal

Perguntada sobre a possibilidade de reabertura das exportações brasileiras de carne bovina in natura para os Estados Unidos, a ministra ressaltou que as negociações técnicas levam tempo, mas que o Brasil está buscando prospectar outros mercados tão importantes quanto o norte-americano.

“Todos os mercados são prioritários para o Brasil, pelo tamanho, pelo gigantismo da nossa pecuária. Temos o maior rebanho bovino do mundo. Temos muita proteína [para exportador] para o mundo.”

Tereza Cristina acrescentou que o mercado global de carne passa por um período de transição em razão da alta demanda da China por proteína animal, já que o país teve perdas significativas de animais por causa da peste suína africana (PSA).

“Estamos vivendo um momento de transição muito bom. É bom que os pecuaristas possam investir mais no seu negócio, melhorar o desfrute do nosso rebanho, produzir uma quantidade maior de proteínas, porque o mundo está ansioso por elas.”

Evento

Em sua segunda edição, o Agrocenário 2020 destacou o tema “Cultivando o Progresso da Agricultura Brasileira” e reuniu autoridades, líderes do setor, representantes do setor produtivo, além de empresários, pesquisadores e estudantes.

O evento tem como objetivo resgatar os fatos mais relevantes de 2019 e colocá-los em perspectiva para os próximos anos. Foram debatidos temas como crédito rural, acordos comerciais, inovação, sustentabilidade, entre outros.

Da redação, com informações do Mapa

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: