Alta nos preços do milho perde força nos últimos dias

milho 25 25 2 olímpio oliveira filho embrapa
Foto: Olímpio Oliveira Filho/Embrapa

O movimento de alta nos preços do milho se enfraqueceu nos últimos dias, de acordo com pesquisadores do Cepea. De modo geral, assinala o centro de estudos ligado à USP, compradores têm demonstrado menor interesse em comercializar grandes lotes e aguardam o avanço da colheita da primeira safra para efetivar novas negociações.

Nos últimos dias, prevaleceu a intenção de vendedores em negociar, impulsionados pelos patamares de preços no mercado interno e/ou pela necessidade de liberar espaço nos armazéns para a chegada da safra de soja.

Paralelamente, agentes consultados pelo Cepea já se atentam aos fretes. Com o avanço da colheita da oleaginosa, a oferta de frete para o milho deve diminuir.

Na região de Campinas (SP), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa recuou 0,5% de 24 a 31 de janeiro, fechando a R$ 51,16/sc de 60 kg na sexta-feira 31.

*Com informações do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: