Apesar da baixa liquidez, valor médio do trigo sobe em março

Foto: Embrapa

As negociações envolvendo trigo finalizaram o mês de março em ritmo lento. De acordo com pesquisadores do Cepea, produtores estiveram atentos à colheita, à armazenagem da safra verão no país e aos dados sobre áreas de produção na Argentina e nos Estados Unidos. No final de março, restrições de comércio em várias cidades e o feriado religioso também influenciaram a baixa liquidez no Brasil.

Apesar disso, levantamentos do Cepea mostram que, em março, o preço médio do trigo no mercado disponível (negociações entre empresas) do Rio Grande do Sul foi de R$ 1.453,87/tonelada, avanços de 0,6% frente ao de fevereiro/21 e de expressivos 61,9% em relação a março/20. No Paraná, a média foi de R$ 1.523,69/t, altas de 2,2% em um mês e de 45,7% em um ano.

Do Cepea

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: