Produtores gaúchos usam ferramentas digitais na gestão da pecuária leiteira

Foto: Emater/RS-Ascar

A tecnologia é cada vez mais utilizada em diferentes setores da agropecuária, como a cadeia leiteira. No município gaúcho de Serafina Corrêa, 20 produtores participaram, nas últimas semanas, de um curso online sobre o uso de algumas ferramentas digitais para a gestão da propriedade leiteira, promovido pela Emater/RS-Ascar.

Segundo o engenheiro agrônomo Leandro Ebert, extensionista da Emater/RS-Ascar, a proposta surgiu da identificação da demanda no trabalho de campo realizado com as famílias.

“Notamos que, apesar do produtor estar mais tecnificado, com mais acesso a tecnologias, fica complicado de se organizar no meio de tanta informação que chega, seja por meios físicos ou digitas. Com isso, o tempo do produtor está cada vez mais escasso. Então, com o curso procuramos oferecer uma forma de organização e reflexão sobre isso”, ressalta.

Na capacitação, a gestão da propriedade leiteira foi abordada com conceitos da área de administração de empresas aplicados à propriedade leiteira. “Há muito se fala que o produtor deve tratar a propriedade como uma empresa. Então, trouxemos conceitos que podem ser aplicados na realidade das famílias para profissionalizar a gestão, mesmo em pequenas propriedades familiares”, reforça Ebert. Foram seis aulas online, realizadas por videoconferência, sobre gestão e planejamento estratégico, gestão de pessoas e bem-estar e gestão zootécnica da produção e gestão financeira.

Além das aulas teóricas, foram disponibilizadas e trabalhadas ferramentas digitais para uso dos participantes, incluindo um Web-Plano de Negócios Simplificado-Leite, um app de Gerenciamento Técnico da Bovinocultura de Leite (GT-Leite), ambos elaborados pela equipe da Emater/RS-Ascar do município para uso das famílias assistidas, e ainda, uma planilha de Gestão da Propriedade Leiteira, a GPL, da Emater/RS-Ascar, e o app Roda da Reprodução, da Embrapa, disponível na Play Store gratuitamente.

Na aula, de encerramento do curso, realizada nessa segunda-feira (3), foram apresentados cases de sucesso de famílias que internalizaram a lógica da gestão da propriedade no seu dia a dia e que utilizam essas ferramentas para auxiliar na gestão. Além dos dados alcançados pelas propriedades, econômicos e zootécnicos, a aula teve a participação das produtoras Ivânia Binda, de Fagundes Varela e, Ana Lice Silvestrin Martins, de Serafina Corrêa, que contaram como foi o processo de adoção das tecnologias e as transformações que as famílias e as propriedades passaram nesses últimos anos com a profissionalização da gestão de suas propriedades.

Da Emater/RS-Ascar

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: