Abiarroz: Exportações de arroz devem alcançar cerca de 1,2 milhão de t em 2021

Foto: Irga/Gov. RS

As exportações de arroz (base casca) devem alcançar cerca de 1,2 milhão de toneladas neste ano, segundo a Associação Brasileira da Indústria do Arroz (Abiarroz). A projeção da entidade se baseia nos embarques realizados de janeiro a outubro, que totalizam 958 mil toneladas. Em igual período de 2020, as vendas externas do cereal somaram 1,68 milhão de t.

Na avaliação do diretor de Assuntos Internacionais da Abiarroz, Gustavo Trevisan, a projeção das vendas externas para 2021 está dentro do esperado, ficando próxima do volume embarcado em 2019, quando o Brasil exportou 1,43 milhão de toneladas.

“O ano de 2020, auge da pandemia de codiv-19, foi atípico, com grande demanda mundial por arroz. Agora em 2021, com o maior controle da doença, estamos voltando à normalidade, expressa nos números de 2019, ou seja, antes da crise sanitária”, pontua Gustavo Trevisan.

O diretor de Assuntos Internacionais da Abiarroz assinala ainda que a retomada da economia também impactou a logística em todo mundo, com acentuada alta dos preços dos fretes marítimos e dos aluguéis de contêineres, o que acabou prejudicando o setor exportador de arroz.

“Mesmo neste cenário adverso, devemos ter um bom resultado nas exportações em 2021, o que mostra o reconhecimento da qualidade do nosso arroz, aliada à eficiência da nossa indústria, no mercado internacional.”

Em outubro deste ano, o Brasil exportou 140,6 mil t do cereal (base casca). No mesmo mês de 2020, os embarques totalizaram 153,5 mil t.

“Um dos fatos positivos do mês passado foi a retomada das exportações para o Peru, para onde embarcamos 15,6 mil toneladas de arroz base casca”, destaca Gustavo Trevisan.

Costa Rica, Cuba, Países Baixos e Venezuela completam a lista dos cinco principais importadores do cereal brasileiro em outubro.

No mês passado, o Brasil importou 71,1 mil t. Em outubro de 2020, as importações somaram 147,9 mil t.

 

 

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: