Preço médio do trigo no Brasil é recorde; no exterior, cotação está em queda

Foto: Embrapa/Divulgação

Os valores externos do trigo seguem em queda, pressionados pelo clima favorável ao desenvolvimento das lavouras em importantes países produtores, como Estados Unidos e Austrália, e pela desvalorização do milho. Além disso, apesar da redução da estimativa de produção da safra na Ucrânia, a expectativa de exportação recorde por parte da Rússia reforça o movimento de queda nos preços externos, à medida que reduz preocupações com a oferta mundial do cereal.

Já no Brasil, os preços do trigo seguem firmes na maioria das praças acompanhadas pelo Cepea. Segundo pesquisadores do Cepea, a sustentação continua vindo da baixa disponibilidade de trigo no país e da valorização da moeda norte-americana. As negociações no mercado interno ocorrem de forma pontual, apenas para suprir a necessidade.

Assim, em junho, os preços médios seguiram recordes no Rio Grande do Sul (R$ 2.147,24/t) e em Santa Catarina (R$ 2.094,40/t), considerando-se a série histórica do Cepea, iniciada em 2004. No Paraná e em São Paulo, as médias de junho foram as maiores desde 2013.

Do Cepea 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: