Curso forma agentes de assistência técnica e extensão rural em três estados

a curso extensao rural 2
Fotos: Divulgação/Anater

A Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater) encerrou mais uma etapa do Curso de Formação de Agentes de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater). Os extensionistas atuarão em dois projetos: o Projeto Piloto e o D. Helder Câmara. O curso foi realizado de 16 a 20 deste mês nos estados do Pará, Piauí e Rondônia.

No Pará, o curso foi realizado no centro de treinamento Mariápolis, em Benevides, região metropolitana de Belém. O Projeto Piloto beneficiará mil Unidades Familiares de Produção Agrária (UFPA’s) do estado e cada técnico acompanhará 25 famílias beneficiárias.

O objetivo é aumentar a capacidade produtiva e de comercialização da agricultura familiar no Pará, além de implantar unidades de referência de conhecimento e tecnologias e de apoiar organizações formais e informais no processo de comercialização.

No Piauí, o curso foi realizado em Teresina. A partir de agora, os extensionistas iniciam as ações do Projeto D. Helder Câmara, que será realizado em parceria com a Anater em 68 municípios. O projeto possibilitará a inclusão produtiva e social de 2.970 famílias rurais com os serviços de Ater, em sete territórios de desenvolvimento: Serra da Capivara, Vale do Canindé, Vales dos Rios Piauí e Itaueiras, Vale do Guaribas, Vale do Itaim Chapadas das Mangabeiras e Tabuleiros do Alto Parnaíba.

Já em Rondônia, o curso foi realizado em Porto Velho e os técnicos foram capacitados para realizar as ações do Projeto Piloto da Anater, que irá beneficiar 500 famílias de agricultores com assistência técnica qualificada.

a curso extensao rural

Durante uma semana, os técnicos foram preparados para atuar em todas as fases de desenvolvimento do projeto e receberam treinamento para operar o Sistema de Gestão da Anater (SGA), uma ferramenta que possibilitar registrar todo o trabalho que desenvolverem no campo.

 Projetos

O Projeto Piloto da Anater beneficiará 10 mil famílias e formar mil extensionistas nos estados de Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio Grande do Sul, Rondônia e São Paulo, além do Distrito Federal. Para o projeto serão investidos R$ 15 milhões, anualmente, até abril de 2020, divididos proporcionalmente pelo número de famílias beneficiadas.

Já o Projeto D. Helder Câmara, cujas ações de Ater serão coordenadas pela Anater, beneficiará 63 mil famílias de agricultores de 917 municípios dos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe (Nordeste), Minas Gerais e Espírito Santo (Sudeste).

Para o eixo assistência técnica e extensão rural o investimento de R$ 196 milhões, até abril de 2020. Realizado pela Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead), o Projeto D. Helder Câmara contempla outros eixos, que serão realizados pela própria Sead e seus parceiros.

Jerúsia Arruda (Anater)

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: