Conab promoverá novos leilões de PEP e Pepro de arroz

arroz 1
Foto: Brasil.Gov.br

Dois leilões de prêmio para venda e escoamento de 170 mil toneladas de arroz em casca do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina – maiores produtores nacionais do cereal – serão realizados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) na próxima quarta-feira (7).

Em um dos leilões, a subvenção vai para 85 mil toneladas de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro), sendo 80 mil t para os gaúchos e 5 mil t para os catarinenses. Já o Prêmio para Escoamento de Produto (PEP) oferecerá incentivo para 70 mil toneladas do RS e 15 mil t para SC.

No primeiro leilão, ocorrido na última quinta-feira (22), das 150 mil toneladas ofertadas pelo PEP, foram negociados 110 mil toneladas, sendo a maior parte (95 mil t) para o Rio Grande do Sul. Já pela operação do Pepro, o pregão fechou a negociação apenas para os dois lotes do Rio Grande do Sul, totalizando 60,6 mil toneladas.

Os leilões foram autorizados em portaria publicada no Diário Oficial da União no dia 29 de dezembro e está previsto um valor aproximado de R$ 100 milhões para as operações. O objetivo é garantir a manutenção dos preços mínimos do cereal na região Sul e cumprir a Política de Garantia de Preços Mínimos do governo federal.

No PEP, as indústrias de beneficiamento e comerciantes de cereais recebem o prêmio após comprovar a compra do produto pelo preço mínimo e o escoamento para os destinos permitidos.

Já no Pepro, o prêmio é ofertado ao produtor ou sua cooperativa que efetue a venda do produto pela diferença entre o preço mínimo e o valor do Prêmio Equalizador arrematado, e comprove o escoamento nas condições previstas no aviso.

Da redação, com Conab

AGROEMDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: agroemdia@gmail.com - (61) 992446832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: