Criadores de cavalos crioulos condenam discurso de Lula  contra o agronegócio

logo asssociacao cavalo crioulo

A Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) divulgou nota nesta quarta-feira (21) condenando o conteúdo do discurso feito pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante caravana na cidade de Santa Maria (RS) na noite dessa terça-feira (20).

“Se eles [os criadores de cavalos] tratassem os empregados deles que nem tratam os seus cavalos, estariam muito bem de vida. Estou cansado de ver cavalo comer maçã e criança crescer sem poder comer maçã”, disse Lula.

“A raça crioula sempre foi um ambiente familiar e de amizade entre as pessoas envolvidas com a atividade, no qual os funcionários são parte valorosa e fundamental. Eles são a base do trabalho e do desempenho que o cavalo crioulo vem conquistando ao longo dos anos Brasil afora”, destaca a nota da ABCCC.

“E neste conceito de família crioulista que sempre pregamos nunca caberia qualquer mal trato a quem seja, principalmente a todos os trabalhadores que fazem parte da nossa rotina. Nossa atividade gera no Brasil mais de 240 mil empregos diretos e indiretos, segundo números da Esalq/USP. Só no último ano, crescemos mais de 20% em número de eventos (mais de 1 mil realizados) e acima de 40% em comercialização de animais”, enfatiza a entidade.

A ABCCC enfatiza na nota que lamenta a fala do ex-presidente Lula em um momento em que o Brasil necessita de união e soluções para superar uma crise na qual o agronegócio vem contribuindo muito para amenizar.

“Por fim, a ABCCC reprova e rejeita esse tipo de posicionamento, que transmite uma falsa e equivocada visão do produtor rural como um todo, aquele que trabalha diariamente de sol a sol para produzir o alimento que vai a mesa de mais de 200 milhões de brasileiros.”

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: