Mercado externo aquece vendas de bovinos no Rio Grande do Sul

Gado Angus - Crédito Rodrigo Mascarenhas Divulgação
Foto: Rodrigo Mascarenhas/Divulgação

Com a forte demanda externa pelo gado brasileiro, os preços devem se sustentar ao longo do ano. A expectativa da pecuária do Rio Grande do Sul, por exemplo, é de expressiva procura por terneiros e novilhos jovens durante este outono. Isso, avalia o setor, deve aquecer as feiras pelo interior gaúcho e os remates particulares.

Segundo o gerente comercial da Trajano Silva Remates, Décio Lemos, as perspectivas são positivas especialmente para os produtores de terneiros. Um dos fatores para esse cenário favorável, acrescenta, é a demanda dos países árabes por cerca de 400 mil cabeças de gado, o que vem mantendo uma busca crescente e permanente no Brasil por animais para exportação

“Isso, sem dúvida, vai sustentar o preço principalmente para os terneiros e novilhos jovens”, reforça Lemos. “Esta é a melhor hora para quem precisa investir em genética e reprodutores.”

Durante a temporada de outono da pecuária gaúcha, o escritório promove um dos principais remates do período de vendas. No dia 4 de maio, às 14h, no Parque de Eventos da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), será realizado o leilão da Cabanha Santo Izidro, que ofertará 350 reprodutores de Angus e Charolês.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: