Dia Mundial das Pulses incentiva a produção e consumo de leguminosas

Nesta quinta-feira, 10 de fevereiro, comemora-se o Dia Mundial das Pulses. Fazem parte desse grupo de alimentos as leguminosas consumidas secas, como o feijão comum, feijão-caupi (feijão-de-corda), ervilha, lentilha e grão-de-bico. A criação da data, em 2016, tem o objetivo de incentivar a produção e consumo desses grãos.

Ricas em proteínas, as pulses têm também grandes quantidades de fibras, vitaminas e aminoácidos, contribuindo para a melhoria da nutrição e saúde, reduzindo a desnutrição, o diabetes, a obesidade e a fome no mundo.

A Embrapa possui equipes distribuídas pelo Brasil, desenvolvendo soluções para a produção e o aproveitamento sustentáveis desses grãos. As pesquisas com feijão-caupi são coordenadas pela Embrapa Meio-Norte (Teresina, PI). Os trabalhos com feijão-comum são liderados pela Embrapa Arroz e Feijão (Santo Antônio de Goiás, GO). Já as pesquisas com ervilha, lentilha e grão de bico são lideradas pela Embrapa Hortaliças (Brasília, DF).

No Brasil, as pulses mais consumidas são os feijões, tanto o comum quanto o feijão-caupi, que junto com o arroz, representa a base da alimentação da população, especialmente na Região Nordeste. Nas últimas décadas, graças ao melhoramento genético, houve uma expansão em sua produção e atualmente se destaca também como produto para exportação.

A Embrapa Meio-Norte realiza pesquisas com esse grão e já desenvolveu dezenas de cultivares que estão disponíveis no mercado. O feijão-caupi é rico em proteínas e seu consumo propicia diversos benefícios à saúde devido também à presença de fibra alimentar, minerais, vitaminas e compostos bioativos (antioxidantes), auxiliando na prevenção de doenças coronarianas, câncer e diabetes.

Para celebrar esses alimentos, promovê-los e mostrar a sua importância aos mais diversos públicos, a Embrapa Meio-Norte organizou ações que ocorrem em vários pontos de Teresina durante o mês de fevereiro.

Da Embrapa Meio-Norte

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: