Arábia Saudita quer importar animais vivos do Brasil

missao saudita 1
Foto: Indea/Divulgação

A Arábia Saudita tem interesse na compra de animais vivos do mercado brasileiro. Para tanto, uma missão do Ministério Saudita do Meio Ambiente, Água e Agricultura (MEWA) veio visitar o setor e avaliar os controles sanitários oficiais. Nesta terça-feira (8), a delegação vai a um Estabelecimento de Pré-Embarque (EPE) e ao Porto Vila do Conde, em Barcarena, no Pará. O estado é um dos principais exportadores de gado vivo do Brasil.

Segundo o superintendente nacional da Associação Brasileira dos Exportadores de Gado (ABEG), Gil Reis, a missão tem o objetivo de concluir uma negociação em andamento. “Há três anos, estamos negociando a abertura para a exportação de gado vivo para a Arábia Saudita. Esta é a última fase da análise, antes de bater o martelo.”

A missão também esteve no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), em Brasília, no Lanagro (Laboratório Nacional Agropecuário) de Recife e no Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea-MT), em Cuiabá.

Na capital mato-grossense, a delegação saudita avaliou os controles do Mapa e do Indea-MT em relação à encefalopatia espongiforme bovina (EEB), popularmente conhecida como “doença da vaca louca”.

Os sauditas conheceram a estrutura física e operacional do Indea, o sistema de vigilância veterinária e os programas sanitários. Também foram apresentados os avanços do Programa Nacional de Prevenção e Vigilância da Encefalopatia Espongiforme Bovina (PNEEB) no estado. Isso porque MT registrou, anos atrás, o último caso de EEB ocorrido no país.

missao saudita
Foto: Abeg/Divulgação

De acordo com Gil Reis, que acompanhou a missão em Cuiabá, os médicos veterinários do governo saudita sabem que o Brasil tem um bom serviço de defesa agropecuária. “A visita é em razão do caso atípico de EEB, resolvido de forma competente e rápida pelo Indea e o Mapa”.

A presidente do Indea, Daniella Bueno, destacou o papel do serviço veterinário oficial na recepção às missões estrangeiras. “Mostramos, com transparência, todas as atividades realizadas pelo Indea”.

A Arábia Saudita está entre os 20 maiores importadores de produtos do agro brasileiro. De abril de 2017 a março deste ano, as exportações do Brasil para aquele mercado somaram quase US$ 2 bilhões, valor que representa 2% de todas os embarques do país no período.

 

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: