Cerrado Mineiro: Chuva causa descarte de cenoura; preço sobe mais de 10%

cenoura 26 11
Chuvas elevam preço do produto na região – Gianvecchio Carvalho/Embrapa  

A combinação de chuvas volumosas com temperaturas elevadas em Minas Gerais nos últimos dias favoreceu a incidência de mela e nematoides nas cenouras do Cerrado Mineiro, levando a descartes de parte das raízes e reduzindo a oferta do produto. Além disso, as precipitações retardaram o ritmo da colheita desta safra, que já vem diminuindo em função da proximidade do fim da atividade. Assim, entre 19 e 23 de novembro, o preço da caixa com 29 kg de cenoura “suja” subiu 10,4% frente ao da semana anterior, para a média de R$ 17,00.

Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, o menor ritmo das atividades de campo pode adiar para janeiro o encerramento da safra de inverno, esperado para dezembro. Como no próximo mês as variedades de verão já começam a ser colhidas, deve haver uma sobreposição entre as duas temporadas.

Além dos danos às raízes colhidas, colaboradores do Hortifruti/Cepea afirmam que a chuva excessiva também dificulta a germinação das sementes recém-cultivadas. Deste modo, o percentual de replantio aumentou bastante no Cerrado.

Do Cepea/Hortifruti

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta