Bolsonaro anuncia fim da “indústria da multa” no campo

bolsonaro 2 12
Presidente eleito reitera mudança na legislação ambiental – Rovena Rosa/Agência Brasil

O presidente eleito, Jairo Bolsonaro, quer acabar com a “indústria da multa” no campo. Neste fim de semana, ele reiterou a intenção de fazer mudanças na legislação que trata do assunto, como já adiantara ao longo da sua campanha eleitoral. “Não podemos perseguir quem trabalha. O governo é especialista em perseguir quem trabalha no Brasil. Esse tipo de multa não vai existir mais”, afirmou Bolsonaro, acrescentando que pretende indicar, nos próximos dias, o futuro ministro do Meio Ambiente.

“Você vai, por exemplo, numa fazenda. E tem lá, caiu lá, uma mancha de óleo diesel no quintal do fazendeiro. A multa é milionária. Não derrubou porque quis”, assinalou o presidente eleito, ao exemplificar o que considera excessivo na atuação dos órgãos de fiscalização ambiental. Para ele, é preciso “racionalizar” a área e combater o “abuso” por parte dos fiscais do governo.

“O Brasil é o país que mais preserva o meio ambiente. Agora, há alguns fiscais que abusam. Esse pessoal vai deixar de trabalhar dessa forma”, disse Bolsonaro. Afirmou ainda que, se for possível, anulará o decreto presidencial, assinado por Michel Temer no final de 2017, que destina os recursos das multas do Ibama para financiamento de programas de recuperação de áreas degradadas. “Cerca de 40% das multas vão para ONGs para defender o meio ambiente. Ou seja, o sistema se retroalimenta. Isso é um decreto presidencial. Se couber, nós vamos alterar esse decreto.”

Da redação, com Estadão

 

 

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: