Grêmio: Agro participa da inauguração da estátua de Renato Portaluppi na Arena

estatua renato
Estátua eterniza Renato Portaluppi na história do Grêmio Imortal – Reprodução Youtube

No dia em que o Grêmio Imortal homenageou o seu maior ídolo, o ex-jogador e técnico Renato Portaluppi, o agro se fez presente. O secretário de Agricultura do Rio Grande do Sul, Covatti Filho, representou o governador Eduardo Leite na inauguração da estátua de Renato na Arena do Grêmio, nesta segunda-feira (25), em Porto Alegre. O empresário Celso Rigo, proprietário da Pirahy Alimentos, dono da marca de arroz Prato Fino, foi o representante da indústria arrozeira.

Clique no vídeo produzido pela Grêmio TV para assistir à homenagem a Renato:

Reportagem do site do jornal gaúcho Correio do Povo descreveu assim a homenagem que imortalizou na história do clube o ex-jogador gremista, campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes de 1983 e técnico tricampeão da Libertadores em 2017:

“Não é final de Libertadores, nem Gre-Nal. É Renato Portaluppi. O treinador tricampeão da Libertadores foi definitivamente imortalizado, nesta segunda-feira, com a inauguração de sua estátua retratando a comemoração dos gols do Mundial de 1983. Milhares de gremistas invadiram a esplanada da Arena no fim da tarde e alentaram como se fosse um jogo – ou alentaram ainda mais do que se fosse um jogo –, enquanto era desvelado o tributo ao técnico e ex-jogador.

O presidente, Romildo Bolzan Jr, foi ao microfone e exaltou a estátua como um símbolo de todos as grandes conquistas do Grêmio. Mas ele enfatizou. “Este é um símbolo do grande homem, do grande cidadão que tu és, Renato Portaluppi.”

Em seguida, foi a vez de Renato, e as lágrimas não demoraram dez segundos a surgir. “Eu falei com várias pessoas, sobre o que ia dizer e me repetiram: ‘fala com o coração’”, parou ali a declaração do técnico, que começou a chorar. Ele se recuperou em seguida: “É difícil até falar com o coração. Se eu já era gremista, agora então nem se fala. Meu sangue sempre será azul”, destacou, para em seguida lembrar a família. “Eu queria muito que meus pais estivessem aqui”, completou o treinador enxugando o choro.

Depois do discurso, o grande momento. Renato segurou uma das pontas e puxou o pano preto até surgir a apoteose do campeão de 1983. Renato enxugou mais umas lágrimas, fez uma grande reverência à torcida e, depois de posar para as fotos, foi para a galera. A segurança precisou correr para formar a proteção ao técnico, imediatamente abraçado por centenas de mãos nos gradis da esplanada gremista. Renato recuou mediante tanta emoção, fez nova reverência e insistiu. Foi para mais um abraço na torcida, a consagração definitiva de um ídolo no futebol.”

“Dá-lhe, Grêmio, dá-lhe Renato, rumo às futuras vitórias”, gritou a gremista Eliane Santos, em Brasília, ao assistir ao vídeo da Grêmio TV sobre a homenagem ao eterno Renato Portalupp, que declarou durante a inauguração da estátua: “Eu praticamente me criei como jogador dentro do Grêmio. Fui ídolo por onde passei e nunca neguei que sempre fui gremista. É de coração por tudo que o clube me ajudou. Dentro de campo procurava recompensar ganhando títulos. É aquela coisa de amor de mãe para filho. Não tem como explicar. Se não existisse na minha vida, não sei o que seria. Tudo o que eu tenho na vida, dou valor, é por causa do Grêmio que me abriu as portas.”

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: