Estiagem interrompe colheita da mandioca e preocupa produtores

mandioca 1 4 19 vanderlei santos embrapa
Foto: Vanderlei Santos/Embrapa

As lavouras de mandioca atualmente disponíveis para colheita são as que foram plantadas desde meados de 2018, caracterizadas como raízes de 1º ciclo. Mesmo assim, produtores consultados pelo Cepea, especialmente aqueles com necessidade de se capitalizar, têm mostrado interesse na comercialização. As dificuldades encontradas estiveram relacionadas especialmente ao clima seco, que interrompeu a colheita e o plantio e preocupa produtores que realizaram o plantio em semanas anteriores.

Na semana anterior, houve expressiva diminuição na oferta de raízes para as fecularias, inclusive para as que buscaram se abastecer em áreas mais distantes. Aquelas que não optaram por esta alternativa – e que dispõem de estoques – chegaram a interromper as atividades, tendo em vista a realização de manutenção.

Assim, as variações de preços foram acentuadas entre as regiões, o que é incomum. A média semanal a prazo para a tonelada de mandioca posta fecularia ficou em R$ 311,30 (R$ 0,5414 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg) de 12 a 16 de agosto, ligeira queda de 0,1% frente ao valor médio do período anterior.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: