Beba + Leite, a campanha que saiu do interior de Goiás para se espalhar pelo Brasil

beba mais leite 0

Da redação/AGROemDIA

A ordenha deste ano em Cachoeira Alta rendeu litros de leite com muita energia para acudir os produtores rurais. Foi nesse município de cerca de 15 mil viventes encravado no sul de Goiás, a 352 quilômetros de Goiânia, que surgiu a mais simples e barata, porém impactante, iniciativa de incentivo ao consumo do produto e de valorização da atividade leiteira: a campanha Beba + Leite, que ganhou força nas mídias sociais – impulsionada por celulares impregnados de digitais de pecuaristas – e já se espalhou por pelo menos cem municípios país afora.

Por trás da ação promocional, está o prefeito de Cachoeira Alta, Kelson Villarinho. Ex-presidente da comissão de leite local, ele passou a se reunir com o sindicato rural do município para debater as dificuldades enfrentadas pelo setor. “Lá, idealizamos a campanha de colocar em todos os veículos da prefeitura adesivos em apoio a algum setor produtivo ou bem do município”, contou Villarinho em entrevista via WhatApp ao AGROemDIA.

A ideia logo ganhou formato de projeto de lei, enviado pelo prefeito à Câmara de Vereadores do município para aprovação. Em 3 de maio deste ano, Vallarinho sancionou o Projeto de Lei nº 007/2019, que “autoriza a divulgação nas máquinas e veículos públicos dos produtos produzidos no município, em caráter de programa institucional, incentivando o consumo de produtos orgânicos e lácteos”.

Ainda de acordo com o texto, os produtores interessados em divulgar os seus produtos devem se cadastrar na prefeitura, que tem a responsabilidade de produzir o material a ser afixado temporariamente nas máquinas e veículos públicos. O prazo de duração da publicidade é de até 90 dias, com possibilidade “de repetir o mesmo produto num período de seis meses”, diz a lei.

Mídia de baixo custo

Em poucos dias, a campanha Beba + Leite estava nas ruas da cidade. “Essa iniciativa incentiva o produtor e a geração de impostos para o município”, enfatizou Villarinho, ligado ao setor há 30 anos. Mídia de baixo custo, a campanha foi além dos mais de 50 veículos da prefeitura. “O comércio e as demais pessoas abraçaram a ideia.”

Hoje, Cachoeira Alta está praticamente adesivada com o apelo Beba + Leite. Segundo o prefeito, a campanha aumentou o consumo de leite em creches e escolas, contribuindo para a melhoria de renda dos produtores locais que, a exemplo dos quase 1,2 milhão espalhados pelo país, enfrenta uma crise provocada pelo baixo preço do litro pago pelos laticínios, alto custo de produção, carga tributária elevada e concorrência internacional.

Não demorou muito para a campanha também ganhar apoio fora dos limites de Cachoeira Alta. Entre eles, o do deputado Amauri Ribeiro, um dos porta-vozes do setor na Assembleia Legislativa de GO. O movimento nacional dos produtores de leite, que tem vários grupos no Facebook, como o Inconfidência Leiteira, Construindo Leite Brasil e Genética Confiável, igualmente se engajou na iniciativa.

kelson villarinho prefeito cachoeira alta goias
Kelson Villarinho, prefeito de Cachoeira Alta – Reprodução Sucesso do Campo

Vídeos dos produtores

Além dos adesivos, vídeos sido usados desde o início da campanha. Villarinho fez um dos primeiros, falando sobre a lei de divulgação do comércio local nos veículos da prefeitura e sobre a desvalorização do leite. Produtores, familiares, amigos e cooperativistas também têm feito vídeos para veicular no grupo do movimento.

Na opinião do prefeito, a cadeia leiteira está sendo prejudica pelas importações e pela falta de valorização do produtor pelos laticínios e atacado. Ele sublinhou ainda que isso tem provado êxodo rural, reduzido a arrecadação de impostos dos municípios e ameaçado empregos no setor, um dos maiores empregadores do país. “O pessoal está parando porque não há sustentabilidade [econômica] para o pecuarista.”

Um dos coordenadores do grupo Inconfidência Leiteira, o produtor Awilson Viana ressaltou que a iniciativa está dando enorme contribuição à cadeia neste momento de crise. “A campanha é fantástica e tem nosso apoio incondicional.” Por isso, acrescentou, o movimento nacional dos pecuaristas de leite está trabalhando para ampliá-la. “Ficamos orgulhosos em ver o vídeo do prefeito e saber que o consumo de leite está aumentando. Gostaríamos de ver os laticínios participando e incentivando o consumo de leite. Creio que isso ainda pode ocorrer.”

beba mais leite 1

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta