Cotações do milho se enfraquecem nos últimos dias de outubro

milho graos Foto Tony Oliveira Sistema CNA 4 11 19
Foto: Tony Oliveira/Sistema CNA/Divulgação

Pesquisas do Cepea apontam que o movimento de alta nos preços do milho perdeu fôlego nos últimos dias de outubro, depois de subir com força nas primeiras semanas do mês. O enfraquecimento das cotações está atrelado à pressão exercida por compradores, que têm encontrado vendedores um pouco mais flexíveis para novas negociações.

De 25 de outubro a 1º de novembro, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (Campinas – SP) caiu 2,9%, fechando a R$ 41,55/saca de 60 kg na sexta-feira 1º. Nos portos, a desvalorização do dólar pressionou as cotações do cereal.

Até a terceira semana de outubro, contudo, os embarques seguiram expressivos, somando 3,8 milhões de toneladas, segundo a Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

A expectativa de agentes consultados pelo Cepea, no entanto, é que as exportações diminuam o ritmo nos próximos meses, por causa da menor competitividade do milho brasileiro.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: