Movimento Construindo Leite Brasil deve fazer parte da Câmara Setorial de Lácteos do RS

construindo leite brasil eduardo leite
Foto: Secom/Gov. RS/Divulgação

O Movimento Construindo Leite Brasil deverá fazer parte da Câmara Setorial do Leite da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Estado do Rio Grande do Sul. Com isso, os pecuaristas de leite da base produtora poderão participar das discussões e votações do colegiado sobre as políticas públicas estaduais voltadas para o setor de lácteos.  

Em audiência com três lideranças do Construindo Leite Brasil – Joel Dalcin, Rafael Hermann e Leonel Fonseca –, na sexta-feira 1º, no Palácio Piratini, o governador Eduardo Leite pediu ao secretário estadual de Agricultura, Covatti Filho, que tome providências para incluir o movimento na câmara setorial. O deputado federal Ronaldo Santini (PTB-RS), que tem apoiado os produtores, também participou da reunião.

“Foi uma reunião histórica, inédita. Pela primeira vez, um governador recebeu os produtores de leite”, disse Joel Dalcin ao AGROemDIA. Segundo ele, Eduardo Leite pediu a Covatti que tome as providências necessárias para que o Construindo Leite Brasil tenha um representante na Comissão Setorial de Leite. “É o início de um processo de alinhamento das discussões com o governo do estado que há muito buscávamos.”

No encontro, os produtores entregaram ao governador gaúcho a pauta do Construindo Leite Brasil, que faz parte do movimento nacional de pecuaristas de leite que há mais de um ano vem reivindicando dos governos federal, estaduais e municipais, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e da Câmara Federal providências para criar políticas públicas que apoiem o setor a superar a crise enfrentada há mais de cinco anos.

A pauta do movimento tem 10 pontos: medidas para evitar a vulnerabilidade de preços do leite; efetivação da implementação das INs 76 e 77, que tratam da qualidade do leite, a fim de preparar o país para se tornar um exportador de lácteos de destaque no cenário global; infraestrutura (energia elétrica e estradas, principalmente); inclusão do leite na merenda escolar; reavaliação dos benefícios fiscais para empresas importadoras de lácteos; marketing institucional para incentivar o consumo de leite; plano estadual de desenvolvimento da cadeia leiteira, sem ônus para o produtor; desoneração do setor de lácteos; e discussão das assimetrias com os países dos quais o Brasil importa leite, para que cumpram normas semelhantes às exigidas dos produtores nacionais.

construindo leite brasil eduardo leite 2
Foto: Secom/Gov. RS/Divulgação

Marketing institucional do leite

De acordo com Joel Dalcin, Eduardo Leite ficou de avaliar o que é possível fazer para atender a pauta do Construindo Leite Brasil, desde que não comprometa as finanças do estado e esteja dentro das competências do governo estadual.

Joel Dalcin antecipou ainda que o deputado Ronaldo Santini também ficou de apresentar, na Câmara Federal, alguns projetos voltados à instituição de uma estratégia de marketing institucional para incentivar o consumo de leite.

A audiência do Movimento Construindo Leite Brasil com Eduardo Leite foi articulada pelo Ronaldo Santini. “O deputado Santini tem se mostrado comprometido com o movimento dos produtores de leite”, ressaltou Joel Dalcin.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: