Preços do boi oscilam ao longo da primeira quinzena de abril, segundo Cepea

Foto: Kéke Barcelos/Embrapa

Diante do atual cenário de incertezas por conta da pandemia de coronavírus, muitos operadores ficam ativos no mercado apenas quando há maior necessidade, seja de compra e/ou de venda. Com isso, os preços da arroba oscilaram com certa força na primeira quinzena de abril.

Em São Paulo, o Indicador do boi gordo CEPEA/B3 fechou a R$ 198,50 nessa quarta-feira 15, com queda de 2,29% no acumulado parcial do mês. Nestes primeiros 15 dias, a mínima do Indicador, de R$ 195,40, foi observada no dia 2, ao passo que a máxima de R$ 203,00, no dia 1º, diferença de 7,6 reais/arroba.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta