Dólar alto e firme demanda elevam preços da soja, diz Cepea

Foto: Paulo Lanzetta/Embrapa

Os preços de soja em grão atingiram novos patamares recordes nominais na semana passada, de acordo com pesquisas do Cepea. Esse movimento de alta está atrelado à significativa elevação do dólar frente ao real, que segue favorecendo as exportações brasileiras.

Diante da firme demanda externa e dos preços atrativos aos vendedores, o volume comercializado da safra 2019/20 no Brasil já está em cerca de 80% e da 2020/21, em aproximadamente 20% – quantidades recordes em comparação a esses mesmos períodos de anos anteriores, segundo agentes consultados pelo Cepea.

Com isso, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa da soja Paranaguá (PR) registrou alta de 5,18% entre 17 e 24 de abril, fechando a R$ 106,16/saca de 60 kg na sexta-feira 24.  O Indicador CEPEA/ESALQ Paraná, por sua vez, subiu 4% entre 17 e 24 de abril, a R$ 98,84/sc de 60 kg no dia 24.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta