Crédito rural: Federarroz cria canal para receber denúncias de venda casada

Arte: Reprodução

Diante das inúmeras reclamações de produtores gaúchos sobre o alto custo do crédito agrícola disponibilizado pelas instituições financeiras, a Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz) criou um canal para receber reclamações.

Em nota divulgada nesta segunda-feira 13, a federação informa que o canal visa a contribuir para adoção de medidas capazes de coibir eventuais abusos por parte de agentes financeiros no momento da contratação de financiamento.

As práticas abusivas, assinala a Federarroz, aumentam o custo do produtor, prejudicando sua competitividade. Uma das mais usuais é a chamada venda casada, que praticamente obrigado o agricultor a adquirir títulos de capitalização, consórcios e seguros quando da contratação de crédito rural.

A Federarroz ressalta também que tais práticas são proibidas pela legislação federal.

As reclamações podem ser enviadas pelo e-mail ouvidoria@federarroz.com.br. A entidade informa que a identidade do produtor será mantida em sigilo.

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta