Prefeito eleito de município gaúcho anuncia que vai abrir mão do salário

Marco Aurélio Nedel, prefeito eleito de Crissiumal (RS) – Foto: Facebook pessoal

O município de Crissiumal, conhecido como a capital gaúcha da agroindústria, no noroeste do Rio Grande do Sul, inova na política brasileira. O prefeito eleito Marco Aurélio Nedel (Podemos) vai exercer o mandato, a partir de 1º de janeiro de 2021, de forma voluntária, ou seja, sem receber salário. O anúncio foi feito por Nedel nesse sábado 5, em entrevista ao jornalista Jalmo Fornari, no programa Tribuna Popular, referência no jornalismo da região, veiculado pelo Sistema Província.

Aos 65 anos, o prefeito eleito é auditor aposentado da Receita Federal. Ao jornalista Jalmo Fornari, Nedel contou que decidiu que não receberia o salário de prefeito desde o momento em que a sua candidatura começou a ser discutida. Essa foi a primeira vez que ele concorreu a um cargo político. Nedel disputou a eleição sem fazer coligações com qualquer outro partido. Ele será o primeiro prefeito a administrar Crissiumal sem receber salário.

Por 10 anos, Nedel trabalhou de forma voluntária na área de gestão hospitalar. “Ele também é empreendedor e instalou em Crissiumal o maior empreendimento privado da história do município, quando construiu uma usina hidrelétrica”, informa o site do Sistema Província.

Clique aqui para ler a reportagem completa.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: