Safras: Apesar de ajuste negativo, produção de soja do Brasil segue recorde

Foto: Paulo Lanzetta/Embrapa

Da Reuters

A produção brasileira de soja em 2020/21 deverá totalizar 132,5 milhões de toneladas, estimou nesta sexta-feira a consultoria Safras & Mercado, que reduziu a previsão em aproximadamente 1 milhão de toneladas na comparação com estimativa de 30 de outubro.

Com isso, a safra brasileira ainda crescerá 5,5% sobre o ciclo anterior, de acordo com os números da empresa de análises.

“Embora ainda seja cedo para definições, o clima irregular registrado desde setembro na maior parte do país trouxe alguns problemas regionalizados, principalmente nos Estados da faixa central”, disse o analista Luiz Fernando Roque, ao comentar em nota os ajustes negativos na previsão.

Ele destacou que essas mudanças foram pontuais em produtividades médias esperadas para alguns Estados produtores do Centro-Oeste, Sudeste e parte do Sul.

Segundo Roque, “ainda não podemos falar em grandes perdas produtivas em nível país, mas precisamos de regularidade climática nos próximos meses para que as condições da safra não piorem”.

“Mesmo com os ajustes negativos atuais, ainda deveremos colher uma nova safra recorde.”

A Safras apontou que a área plantada no país crescerá 2,9% ante a temporada passada, para 38,4 milhões de hectares, em estimativa realizada no momento em que os produtores brasileiros estão finalizando o plantio.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: