Clima preocupa cafeicultores; mercado tem baixa liquidez

Foto: Paulo Lanzetta/Embrapa

O cenário climático no fim de janeiro e neste início de fevereiro (baixo volume de chuvas e temperaturas elevadas) tem preocupado agentes em algumas regiões acompanhadas pelo Cepea, como Espírito Santo, algumas localidades da Mogiana (SP) e no sul e cerrado Mineiros. Isso porque as lavouras de arábica estão entrando na fase de enchimento dos grãos e as de robusta estão em pleno enchimento, e o clima predominantemente seco pode afetar a qualidade de peneira e o rendimento da safra 2021/22.

Quanto ao mercado, as negociações do café arábica estão relativamente calmas, devido à forte retração vendedora. Para o robusta, ainda que parte dos agentes continue distante do mercado, altas pontuais têm permitido o fechamento de alguns negócios, especialmente para o tipo 7/8.

Do Cepea

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: