O agronegócio no pós-pandemia

Caio Vinícius Di Helena Rossato, presidente da ABCB – Foto: ABCB/Divulgação

Caio Vinícius Di Helena Rossato*

Nesta monstruosa calamidade da covid-19, perdemos muitos amigos criadores. Quem não perdeu, infelizmente, amigos e entes queridos? Muito triste. Mas achamos que a melhor homenagem que podemos fazer a eles é retomarmos o trabalho, da forma que nos é possível, com segurança sanitária.

Por isso decidimos promover um evento virtual, com o espírito de futuro, para marcar os 61 anos da Associação Brasileira de Criadores de Búfalo (ABCB) de forma construtiva, projetando o cenário do agronegócio no pós-pandemia. Acontecerá na sexta-feira (23/04), das 8h50 às 10h50, no canal da ABCB Búfalo no YouTube.

Será uma oportunidade para ouvir a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, e três ex-ministros da pasta: Alysson Paolinelli (1974/1979), Antonio Cabrera (1990/1992) e Roberto Rodrigues (2003/2006). Sem dúvida, figuras cujas trajetórias são garantia de análises criteriosas e fundamentadas.

O evento também contará com o professor italiano Dr. Luigi Zicarelli, que palestrará sobre o futuro dos búfalos com a mudança climática e as novas exigências do consumidor. Grande nome da bubalinocultura mundial, ele lecionou na Universidade de Nápoles, além de ter dirigido o Departamento de Medicina Veterinária e Produção Animal.

O Brasil detém o maior rebanho bubalino do Ocidente. Aproximadamente 30% das criações brasileiras são destinadas à produção de leite. Nos últimos anos, o rebanho leiteiro tem crescido a uma taxa de 45%. Inequivocamente há um grande potencial de mercado para os 16 mil criadores de búfalos do país.

No ano passado, estava tudo preparado para o aniversário de 60 anos da ABCB: festa com homenagem aos ex-presidentes da entidade, prestígio de delegações estrangeiras, público acadêmico. Mas fomos obrigados a cancelar o evento devido à pandemia.

Restou represada a vontade de rememorar festivamente a história da ABCB, que começou com um grupo de adeptos e defensores da bubalinocultura reunido no Parque de Exposições Fernando Costa, em São Paulo, onde foi lavrada a ata da criação da entidade. A associação foi fundamental para a epopeia de importação de búfalos da Ásia no raiar da década de 1960.

Agora daremos vazão ao anseio de reconhecimento de nossa história, desejando que o evento virtual de sexta-feira lance luzes sobre o futuro e seja aproveitado ao máximo, especialmente por quem tem ligação com a pecuária e o agronegócio.

*Presidente da Associação Brasileira de Criadores de Búfalo (ABCB) e médico veterinário

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: