Com dólar valorizado e demanda firme, preços da soja sobem, diz Cepea

Foto: Danilo Estevão/Embrapa

O dólar segue se valorizando frente ao real. Este cenário vem sustentando as altas nos preços da soja em grão no mercado interno, à medida que deixa o produto brasileiro mais barato aos importadores. Além da demanda firme, a baixa disponibilidade da oleaginosa nos mercados doméstico e internacional também influencia os avanços nos preços.

Segundo colaboradores do Cepea, alguns agentes apostam em novas valorizações. Com isso, mantêm o produto em estoque, visando a venda no último trimestre do ano. Na sexta-feira, 20, a moeda norte-americana atingiu R$ 5,378, alta de 2,57% em relação à sexta anterior.

Para a soja, entre 13 e 20 de agosto, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa – Paranaguá subiu 1,6%, indo para R$ 174,94/sc de 60 kg na sexta. O Indicador da soja CEPEA/ESALQ – Paraná avançou 1,4% no mesmo comparativo, fechando a R$ 172,24/sc de 60 kg.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: