Trigo tem oferta e preços recordes em 2021

Foto: Divulgação/Embrapa

O ano de 2021 se iniciou em meio a expectativas de crescimento na área com trigo. Segundo pesquisadores do Cepea, naquele período, produtores estavam atentos à menor oferta de trigo argentino, aos preços recordes em 2020 e ao atraso na janela ideal para a semeadura de milho segunda safra no Paraná, São Paulo e em Mato Grosso do Sul, em decorrência do baixo volume de chuva. Como resultado da maior área, a safra nacional foi recorde em 2021, mesmo diante de adversidades climáticas no campo durante o desenvolvimento do cereal, como geadas e seca.

Pesquisadores do Cepea indicam que, apesar da maior oferta no país, os preços também atingiram recordes nominais, influenciados pela forte valorização do dólar, por expectativas de menor oferta internacional, pela demanda firme e, especialmente, pela elevada paridade de importação.

Do Cepea

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: